Tuesday, February 12, 2008

quando fiz 30 anos, aqui há quase 4 meses, tive um baque pequenino, durou 2 ou 3 semanas, nada de especial, um bocado aquela coisa de pensar no que é que já se fez, no que é possível ainda fazer, no que se perdeu, no que se ganhou, nas pessoas novas, nas velhas, nos filmes que ficaram, nas opções, o costume. ah também pensava na frase de uma amiga que diz que o pior é dos 30 para os 31, que os 30 até se fazem bem. bom, não se fizeram mal.
mas agora deu-me um aperto na barriga, que coisa, uma mini-neura, tudo porque decidi folhear a revista do correio da manhã, que se chama vidas e onde, pelo vistos, trabalha uma colega da faculdade com quem nunca falei muito. a revista tem na capa a carolina salgado e a irmã, que está internada ou que raio lá é. independentemente do ar abaixo de cão das irmãs, da leitura que as raparigas que escreveram o texto fizeram da interessante história daquelas irmãs, das cronologias absurdas ali publicadas, um bocadinho de mim ficou afectado por ter ficado a saber que elas são de 77, têm 30 anos como eu e os meus amigos e mais um porradão de gente. é muito deprimente.
eu sei que sou blazé e muito alienada. e preconceituosa e incompleta nos pensamentos e ingénua e infantil nos sentimentos. às vezes, tenho daqueles pensamentos interessantes tipo-é fixe ter nascido no mundo numa altura em que o caetano veloso, o woody allen, o david bowie, o tom waits e o leonard cohen estão vivos and kickin'. há os criadores que se elevam porque cantam a nossa condição. e, feita otária, acho que legislam e que são os que importam e que tudo o resto é conversa.
eu tenho a idade da carolina salgado - e da irmã, que elas são gémeas. somos do mesmo grupo. é um grupo que está a fazer a minha "época". eu e a carolina salgados estamos a fazer a nossa época. porra, meu.
bom, ao menos pode ser que funcione como impulsionador do trabalho da tarde na tese...

6 comentários:

Anonymous February 12, 2008 at 9:46 AM  

Nunca deixo comentários em blogs mas tinha que te deixar este recadinho da Feist ( que nasceu em 1976 :) )


http://www.youtube.com/watch?v=p8Z-DIAthbM


oh, oh, oh,
you're changing your heart.
oh, oh, oh,
you know who you are.


e a Carolina Salgado não percebe o que isto quer dizer.
Um beijinho do teu raio verde

martalx February 12, 2008 at 10:27 AM  

vou esconder as revistas todas daqui do escritório. passámos da gargalhada ao lamento à velocidade da luz, hein? percebo o que queres dizer, e sim, you're changing your heart and you know who you are. mas isto é bom, minha filipinha. e 30, 31, 27, 70 89 são só números. apenas.

pippa February 12, 2008 at 2:41 PM  
This comment has been removed by the author.
pippa February 12, 2008 at 2:43 PM  

no outro dia descobri uma citacao do mark twain q rezava assim: “Age is an issue of mind over matter. If you don't mind, it doesn't matter.” e quem eh essa carolina salgado, anyway? eu ja queria ter 50 anos e netos e rugas e paz de espirito.

Ju February 12, 2008 at 6:37 PM  

A mim custou-me fazer 32... 30 tem piada, é um número redondinho. Os 32 só servem para pesar, mas bom, passou depressa... Agora em abstracto, lembro-me de me sentir velha quando me apercebi que havia coisas que já não podia fazer, profissões, actividades, até uma certa idade parece que está tudo em aberto e depois as coisas afunilam-se um pouco. Mas se calhar até é bom ;), algures não tudo pode ser possibilidade. (ah, e quando me apercebo que pessoas que nasceram na década de 80 já fizeram na vida mais coisas do que eu, isso também não ajuda...).

Catarina February 15, 2008 at 3:05 AM  

pois a Carolina é mais a minha onda! eheheheheh
Brincadeira, of course ;-)

  © Blogger template 'Isolation' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP